Sunday, July 19, 2009

"A chave para a aprendizagem das línguas"



De vez em quando encontro algo na internet que realmente me inspira de modo profundo. Esse cara e seus conselhos são ótimos.

Me identifico com muitas coisas que ele falou, principalmente com o assunto de incerteza, e medo na aprendizagem de línguas estrangeiras. Acho que a coisa que mais me impede de falar português é vergonha e medo de cometer erros. As vezes fico nervoso até o ponto de tremer na hora de falar com alguém, e as palavras que quero dizer não saem. Talvez o que eu precise mesmo não é um professor de português mas uma boa psiquiatra.

Eu simplesmente tenho que vencer minha timidez, todos os pensamentos que me faz hesitar, e "aceitar a incerteza" como ele falou. É claro que vou cometer erros e falar com sotaque. O que é que tem? Isso faz parte da aprendizagem, né? Se eu deixo isso me impedir, nunca vou aprender. Acho que para aprender qualquer língua, e tão importante ser corajoso e não ter vergonha como estudar, e os poliglotas verdadeiros são todos caras de pau.

Outro conselho que ele deu foi de evitar de estudar "regras teoréticas" de gramática, o que acho boa idéia. Caso vocês não saibam ( digo 'vocês' embora eu sei que só estou escrevendo para mim mesmo), a gramática da língua portuguesa é muito complicada, e penso que só serve para me confundir. Não adianta mesmo. É melhor imitar o que ouço e leio sem pensar em regras gramaticais. Após tudo, foi assim que aprendei minha língua nativa.

5 comments:

Cla452 said...

A gramática confunde até os próprios brasileiros rs voc~e não está sozinho rs

hallancs said...

Boa. Viva os Caras de pau!

Anonymous said...

oi willian

tambem concordo com o fato de que estudar regras gramaticais não ajudão ninguém a falar um outro idioma, mas seja lá qual for a chave certa vc esta descobrindo ela pois
seu portugues esta otimo.

bjs Cris!

Juliana said...

Oi, William!
Gostei bastante do seu blog e como já disse, acho seu português muito bom!
Espero que atualize com mais frequência este blog..
Beijos,
Juliana.

Carlucio said...

Eu nunca descobri o que define quando o fonema "SE" sera usado com s ou com c, realmente a melhor forma de aprender portugues e considerar que tudo ja foi criado assim.